Filminho da semana: O lado bom da vida.

Quando você perde tudo é mais fácil recomeçar? Nem sempre. Por isso é preciso ter uma estratégia, um mantra, um significado. Estratégia para fugir para um lugar seguro quando a loucura aparece, um mantra para se concentrar quando o sangue ferve, um significado para continuar lutando quando nada mais parece ter sentido.

Bradley Cooper ou Pat, nome do seu personagem, ainda tinha essas 3 coisas para se agarrar, continuar vivendo. Por causa de um trauma que sofreu ao ver a esposa com outro cara, ou melhor, por causa da sua reação exagerada ao pegar em flagrante a mulher da sua vida, Pat foi preso em um hospício.

Ele conviveu 8 meses com sua loucura, fazendo o que estava no seu caminho para reconquistá-la. Quando voltou a morar na casa dos seus pais, conheceu Tiffany, interpretada por Jennifer Lawrence, tão louca quanto ele ou pior, por ter perdido o marido em um acidente. Eles tentam se ajudar em troca de favores malucos e no meio de apostas, muita dança e correria eles constroem uma bonita amizade.

Quando fui assistir, pensei que iria ver finalmente um filme para meninas. Tudo bem que foi indicado a 8 Oscar, mas eu acreditava que seria algo mais leve e romântico, comparado aos últimos que assisti. Agora posso dizer que a linguagem foi muito bem construída, mas não dá para desgrudar os olhos um segundo da telona, senão você perde o fio da meada.

Nota 7. Louco demais para mim. Profundo demais para o que eu estava esperando.

ImagemImagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s