Parabéns Vanessinha

Mais uma vez chega o final de fevereiro e fica aquela dúvida:

E quem faz aniversário dia 29? deve comemorar 28 de fevereiro ou 1 de março? 

Minha amiga sempre recebe parabéns nos dois dias. Eu prefiro não arriscar e comemoro o aniversário dela a semana inteira. Afinal, dia 28 ela ainda não tinha nascido. Mas ela também não nasceu em março, não é mesmo? Adoro essa confusão e me divirto com a velha brincadeira “sem graça” que ela não está fazendo 25, mas 6 aninhos (síndrome de Peter Pan). 

Mas também, quem quer crescer? Eu adoraria ser criança até os 40. (Manhêêê, posso nascer no ano bissexto?)

Para a minha Pequena, um super parabéns, cheio de momentos felizes e inesquecíveis. Obrigada por ser minha amiga há 3 anos e dividir comigo o seu dia a dia (mesmo que por twitter).

Love you,

Imagem

Anúncios

O que há

Minha florzinha postou um texto do Álvaro de Campos que transmitia muito bem seu sentimento quando o chefe disse que ela não poderia mais sair de férias.

Eu fiquei imaginando se fosse comigo. Depois de todos os planos, depois de me imaginar 30 dias sem fazer nada, depois de usar a energia que estava no estoque. Mas a Carol é uma profissional muito responsável e acima de tudo uma mulher muito equilibrada.

Eu exigiria meus direitos. Eu faria tudo nas coxas. Eu perguntaria para quando adiaram as minhas férias (sem aceitar que na verdade cancelaram). Ela, pelo contrário, aceitou sem reclamar. Está dando o melhor de si. Queimando o último fosfato. Para esta mulher admirável, O QUE HÁ.

O que há em mim é sobretudo cansaço
Não disto nem daquilo, 
Nem sequer de tudo ou de nada: 
Cansaço assim mesmo, ele mesmo, 
Cansaço.

A sutileza das sensações inúteis, 
As paixões violentas por coisa nenhuma, 
Os amores intensos por o suposto em alguém, 
Essas coisas todas
Essas e o que falta nelas eternamente
Tudo isso faz um cansaço, 
Este cansaço, 
Cansaço. 

Há sem dúvida quem ame o infinito, 
Há sem dúvida quem deseje o impossível, 
Há sem dúvida quem não queira nada
Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles: 
Porque eu amo infinitamente o finito, 
Porque eu desejo impossivelmente o possível, 
Porque quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser, 
Ou até se não puder ser… 

E o resultado? 
Para eles a vida vivida ou sonhada, 
Para eles o sonho sonhado ou vivido, 
Para eles a média entre tudo e nada, isto é, isto… 
Para mim só um grande, um profundo, 
E, ah com que felicidade infecundo, cansaço, 

Um supremíssimo cansaço, 
Íssimo, íssimo, íssimo, 
Cansaço…

    

Mustacakes

Fazer o que gosta é o primeiro passo para empreender em um negócio de sucesso. Apesar da pouca idade (faz 25 aninhos amanhã, aeeeeee), a Van está abrindo o seu primeiro negócio no ramo da confeitaria e posso garantir que já deu super certo.

Seus cupcakes são uma delícia. Feitos um a um, com todo carinho, dedicação e açúcar. Uma doçura impossível de resistir.

Para tristeza da agência, ela vai parar de cozinhar para gente para atender encomendas desde festinhas infantis, aniversariantes do dia, datas comemorativas, até encontros empresariais.

Tem de vários sabores, massa caseira ou com recheio. Amoooo esse de estrelinha com cobertura de chocolate amargo.

Entre no face, curta a página e encomende já uns 30:

https://www.facebook.com/pages/Mustacakes/449801111755193

ImagemImagemImagem

Filminho da semana: Indomável Sonhadora

A história que sei é que a mãe da protagonista mentiu a idade dela para que participasse da seletiva. Só depois de concorrer com 4 mil atrizes mirins foi revelado que Quvenzhané Wallis tinha 5 anos de idade e sua atuação a tornaria a mais nova indicada a melhor atriz do Oscar. Também sei que o filme foi patrocinado por uma ONG, e precisou de muito pouco investimento (dindin mesmo) para a produção.

Hushpuppy vive em uma comunidade miserável isolada às margens de um rio. Sua mãe abandonou ela e o pai em busca de uma vida melhor, mas seu pai, agora alcoólatra e com câncer não quer deixar sua casa e a vizinhança, mesmo com risco eminente de perder tudo depois de um temporal. A natureza se altera e criaturas pré-históricas despertam de suas sepulturas congeladas, os aurochs. Wink trata a filha como se fosse um homem adulto, animalizando nas situações que parecem mais difíceis. 

É um filme sobre perdas e a luta para continuar sendo herói diante de tantas catástrofes.

Nota 7.

ImagemImagem