Dá, mas passa.

Tenho pensado muito sobre a vida. Não, não é porque estou com tempo sobrando. Tenho que me desdobrar em 3, mesmo a noite, quando já cheguei em casa e vou assistir a novela, por exemplo. Ou no mínimo, convidar meu outro lado para dar uma forcinha. Em estado de melancolia, vira e mexe, me questiono qual o sentido de tudo? E o porquê, de vez em quando, a gente sente este vazio impreenchível.

Mas não se preocupe. Garanto que já se sentiu assim algum dia. O dia de acordar sempre no mesmo horário, vestir a mesma calça jeans, pegar o mesmo ônibus, trabalhar, rir mesmo sem vontade, voltar para casa, tomar banho, jantar e dormir. Ou o final de semana que você rola na cama fazendo de tudo para as horas passarem mais rápido, já que ligar a TV não é uma opção.

Mas o que preenche este vazio? O que nos impulsiona a sonhar, a viver fora da mesmice? Eu sei que não é filho, corre o risco da mãe transferir todas as frustações para aquela criança ou querer viver a vida dela. Eu sei que não é marido, quando a gente não está feliz acaba levando o companheiro ao mesmo estado de espírito. Eu sei que independente de termos um bom emprego, ótimos amigos, a família nota 10, o vazio permanece ali até você não querer olhar para o chão e passar a ignorá-lo para não cair de vez dentro dele.

Eu queria entender o que é, ou pelo menos saber como faz para não sentir mais isso. Então procuro acordar em outra hora, vestir outra calça jeans, mudar o caminho, pegar outro ônibus,  sair com os colegas de serviço para um happy hour, voltar para casa, fazer hidratação nos cabelos e dormir cansada.

Assim o sono bate e nem sonho a gente tem pra se preocupar.

Anúncios

2 opiniões sobre “Dá, mas passa.

  1. Oi querida amiga, para isso o melhor é recorrer a nossa espiritualidade, acreditar em uma força superior e sermos gratas por estarmos aqui pois somos só um grãozinho de areia, aceitar o presente como um presente mesmo, e tentar buscar esta força divina reconfortante dentro de nós! Medite, respire, reze, ore se sinta pertencente a algo muito maior! beijinhos Carol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s